Sheherazade e Gentili morderam a língua

Altamiro Borges, Blog do Miro


A "apresentadora" Rachel Sheherazade e o "humorista" Danilo Gentili costumam usar seus espaços privilegiados no SBT - emissora privada que explora uma concessão pública - para difundir opiniões preconceituosas e partidarizadas. Esta mania, porém, tem gerado críticas nas redes sociais e já chegou aos ouvidos de Silvio Santos, empresário que construiu o seu império midiático graças às benesses da ditadura e que sempre foi ardiloso na condução dos seus negócios. Temendo represálias, o dono do SBT parece que resolveu conter a fúria reacionária dos seus serviçais. Uma notinha postada por Keila Jimenez, no site R7 deste sábado (20), sinaliza que os dois falastrões morderam a língua:  

*****

Silvio Santos proíbe Rachel Sheherazade de falar sobre política

Aos poucos, em clima de brincadeira, Silvio Santos passa os seus recados. Primeiro foi para Danilo Gentili. Agora, Rachel Sheherazade.

Em seu programa aos domingos no SBT, o apresentador disse para a âncora, conhecida por suas opiniões ácidas, que ela não deve mais falar sobre política na emissora, e que se ela não estiver satisfeita, que se demita e peça emprego na Record ou na Band.

Sem reação, Rachel, que era uma das convidadas do programa de SS, tentou levar na brincadeira o comentário do patrão.


Silvio já deixou claro que não quer que nada, nem ninguém, use o SBT como plataforma política, seja de crítica ou para falar bem das gestões dos governantes.

Rachel Sheherazade costumava dar opiniões polêmicas nos noticiários do SBT. Após alguns problemas, a âncora parou de opinar, atendo-se somente ao texto do jornal. Mas, vez ou outra, ainda solta algum pequeno comentário. Silvio não quer mais isso em sua emissora.

Semanas atrás disse o mesmo, também em tom de brincadeira, para o humorista Danilo Gentili.

Para bons entendedores, uma brincadeira do patrão já basta...


*****
Rachel Sheherazade, que ganhou fama após elogiar a ação de "justiceiros" cariocas que acorrentaram um jovem negro a um poste, parece que entendeu o recado do patrão. Ela é fascistoide, mas não rasga dinheiro! O contrato na emissora do "Senor Abravanel" rende uma boa grana e muita visibilidade. Na fase recente, ela abrandou seus discursos televisivos e tem usado mais as redes sociais para destilar o seu veneno preconceituoso e o seu ódio ao governo Dilma e às forças de esquerda. Já o "humorista" Danilo Gentili não tem jeito e segue com suas piadinhas escrotas. Em agosto passado, por exemplo, ele aprontou mais uma das suas, o que gerou novas dores de cabeça para Silvio Santos.    
No programa "The Noite", exibido em 18 de agosto, ele ironizou um pedido de apresentação. "Show em Roraima? Tá louca que vou fazer show nessa bosta de lugar? Vocês vão pagar meu cachê com o quê? Com peixe ou com prostitutas? Prefiro fazer show no inferno", rosnou. O comentário imbecil gerou forte reação nas redes sociais. Até o senador Romero Jucá (PMDB-RR) decidiu interferir em defesa do seu eleitorado. Em discurso no Senado, ele cobrou a retratação da direção da emissora: "Ontem à noite o povo de Roraima foi agredido covardemente pelo jornalista e apresentador Danilo Gentili do SBT. Usando palavras de baixo calão, ele agrediu o Estado de Roraima e a nossa gente... Eu quero desafiar o SBT e o seu dono, Silvio Santos, que é um homem honrado, que peça desculpas".
Segundo a mesma Keila Jimenez, que acompanha os bastidores da mídia, Silvio Santos - preocupado com a audiência e com os anúncios publicitários - exigiu a imediata retratação do "humorista". "A afiliada do SBT em Roraima, a TV Tropical, recebeu uma chuva de reclamações. Apesar de Gentili explicar que se tratava de uma brincadeira, a direção do SBT achou melhor ele se retratar no ar". Um dia depois do incidente, o valentão pediu desculpa ao vivo. Mas foi puro jogo de cena. 
Em outro caso grave, ocorrido em julho, ele ironizou o atentado à bomba ao Instituto Lula, afirmando que foi "forjado", e ainda lamentou a ausência do ex-presidente no local do ato terrorista. A entidade chegou a acionar a Justiça cobrando explicações do maníaco. Mas o juiz Carlos Eduardo Franco, da 3ª Vara Criminal de São Paulo, rejeitou liminarmente a interpelação judicial. Sua justificativa foi até hilária. "Fosse tal afirmação de um jornalista respeitado e de credibilidade sem dúvida alguma se poderia cogitar de algum crime contra a honra". De fato, Danilo Gentili não merece qualquer respeito ou credibilidade. Porém, ele causa estragos - Silvio Santos parece que até já perdeu a paciência!"

Nenhum comentário: