Com quase 20 dias de atraso, Vale finalmente irrompe no noticiário

"Folha cita enfim a empresa comandada por Murilo Ferreira; na manchete desta terça-feira, como uma das responsáveis pelo rompimento da barragem em Mariana (Minas Gerais); “Uma das acionistas (ao lado da anglo-australiana BHP Billiton) da Samarco, responsável pela barragem, a Vale utilizava a área para despejar rejeitos de minério de ferro de suas atividades na região”, diz a reportagem 

Brasil 247

Quase 20 dias após a maior tragédia ambiental do mundo em Minas Gerais, a mineradora Vale irrompe no noticiário. A ‘Follha de S. Paulo’ citou na manchete desta terça-feira a empresa comandada por Murilo Ferreira, como uma das responsáveis pelo rompimento da barragem em Mariana: ‘Desastre também tinha lama da Vale’, diz.

“Uma das acionistas (ao lado da anglo-australiana BHP Billiton) da Samarco, responsável pela barragem, a Vale utilizava a área para despejar rejeitos de minério de ferro de suas atividades na região”, completa a reportagem de Lucas Ferreira e Avener Prado.

Diz que a lama encaminhada pela Vale para a barragem de Fundão vinha de uma mina conhecida como Alegria, que integra um complexo operacional da empresa na região (leia aqui)."

Nenhum comentário: