230 deputados assinam manifesto em apoio a Cunha

"O líder do PSC, deputado federal André Moura (SE), leu nesta quarta (11), em plenário, um manifesto assinado por 12 partidos em defesa do presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, alvo de acusações relativas a supostas contas no exterior; mais cedo, o PSDB havia pedido o afastamento de Cunha; Moura, no entanto, disse que o manifesto pró-Cunha representa 230 deputados, quase a metade da Casa; o documento é assinado pelos líderes do PR, PMDB, PSC, PP, PSD, PRP, PTB, PTdoB, PEN, PHS, PTB e SD

Brasil 247

O líder do PSC, deputado federal André Moura (SE), leu nesta quarta-feira (11), em plenário, um manifesto assinado por 12 partidos em defesa do presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, alvo de acusações relativas a supostas contas no exterior. Mais cedo, o PSDB havia pedido o afastamento de Cunha. Moura, no entanto, disse que o manifesto pró-Cunha representa 230 deputados, quase a metade da Casa. O documento é assinado pelos líderes do PR, PMDB, PSC, PP, PSD, PRP, PTB, PTdoB, PEN, PHS, PTB e SD.

Ele disse que está havendo politização do debate e que Cunha terá o direito de se defender no Conselho de Ética e Decoro Parlamentar, sem que isso interfira na condução da Casa. “Ratificamos total apoio e confiança em sua condução na Presidência da Câmara. Eventuais disputas políticas não podem prevalecer para paralisar o funcionamento da Casa num momento em que se espera a votação de projetos importantes”, disse Moura, dirigindo-se a Cunha.

Nenhum comentário: