O PMDB nu e cru

Dilma Rousseff e Mercadante (PT) ao lado de Temer, Calheiros e Cunha, todos do PMDB
"O partido bota as unhas de fora, expõe seu famélico desejo de poder e deixa o papel de coadjuvante 

Mauricio Dias, CartaCapital

Sem qualquer constrangimento, o PMDB, nas últimas semanas, desnudou-se para o público em geral, e para a presidenta Dilma Rousseff em particular. Na disputa por mais espaço na administração federal, o partido deu uma lição nua e crua de como pode ser a política de coalizão no que ela tem de pior. 

E sempre piora mais quando os aliados, como é o caso de agora, não são agregados em torno de objetivos programáticos. Ou seja, são de campo ideológico diferente. Por isso, os compromissos dão-se em torno do conhecido e amaldiçoado “toma lá dá cá”.
Matéria Completa, ::AQUI::

Nenhum comentário: