"Conto com vocês para impedir o Golpe" dos moralistas sem moral

Alisson Matos, Conversa Afiada

A Presidenta Dilma Rousseff voltou a subir o tom do discurso contra os oposicionistas ao seu Governo. De acordo com a petista, “setores da oposição tentam uma variante de golpe”,  e que “tenta passar como uma manifestação oposicionista”.

“São legitimas as críticas, mas é Golpe e irresponsabilidade querer interromper o curso democrático do país. O Brasil não vai retroceder. Eles nunca vão encontrar [nada contra ela], porque jamais cometi malfeito na minha vida pessoal. Desconheço entre eles quem tenha biografia limpa para atacar a minha honra. Eu desconheço”, discursou a Presidenta nesta quarta-feira (14), em São Bernardo do Campo, durante o I Congresso Nacional do Movimento dos Pequenos Agricultores.

“É um golpe contra o mais longo período de distribuição de renda, desde o descobrimento, e o mais longo programa de inclusão”, afirmou Dilma.

Na última terça-feira (13), durante a abertura do 12º Congresso Nacional da CUT (Central Única dos Trabalhadores), que acontece em São Paulo, a Presidenta, ao lado do Presidente Lula e do ex-presidente do Uruguai, Pepe Mujica, já havia repudiado qualquer tentativa de impedimento do seu mandato pela oposição.

No evento de hoje, a petista convocou a militância a atuar em sua defesa. “Vamos dar um basta no golpismo. Tenho certeza que minha força vem de vocês, vem da minha luta por um Brasil mais igual. Conto com cada um de vocês para que possamos avançar no nosso projeto de um Brasil democrático”, finalizou."

Nenhum comentário: