Procuradora de SP diz que voto de Gilmar na questão do financiamento de campanha é “inacreditável”


Em sua conta no Facebook, a procuradora de SP Márcia Semer analisou o voto de Gilmar Mendes na sessão do STF que retomou, enfim, a discussão sobre o financiamento de campanhas políticas.

Do DCM

ADVERTISEMENT
Abaixo, o texto de Márcia.

“Voto do Ministro Gilmar Mendes na ADI 4650, proposta pela OAB, não julga a inconstitucionalidade ou constitucionalidade do financiamento privado de campanha, mas, inacreditavelmente, se presta a fazer campanha política e tábula rasa de casos e fatos que nem sequer foram julgados.

Fulaniza a decisão, que deveria ser conceitual com Lava Jato, Mensalão, etc, etc. Confesso que esperava mais do ministro. Muito fulanizada e dogmaticamente débil sua manifestação.

Pra isso não precisava segurar o processo por mais de ano. Lamentável.”

Nenhum comentário: