O TSE e os familiares de Gilmar Mendes


Altamiro Borges, Blog do Miro


O ministro Gilmar Mendes, nomeado para o Supremo Tribunal Federal (STF) pelo amigo e ex-chefe FHC, nunca escondeu a sua militância tucana. Mas nos últimos dias – principalmente após o desgaste do lobista Eduardo Cunha, investigado na Operação Lava-Jato, e o "recuo tático" do PSDB na tese do impeachment –, ele virou o principal oponente de Dilma. Sem nunca ter sido testado nas urnas, ele faz de tudo para abortar ou sabotar o mandato da presidenta, reeleita democraticamente pelos brasileiros. Na sua insanidade golpista, o sinistro Gilmar Mendes – também batizado de 'Gilmar Dantas' e 'Gilmar Mente' – resolveu comprar briga até com o procurador-geral da República, Rodrigo Janot.
.
Reconduzido ao cargo, Janot já havia criticado a "inconveniência" da Justiça Eleitoral, que estaria se portando como "protagonista exagerada do espetáculo da democracia". A bronca, porém, irritou ainda mais Gilmar Mendes, conhecido por seus arroubos autoritários. Na terça-feira (1), ele voltou à carga e insistiu no questionamento das contas de campanha de Dilma - que ele mesmo aprovou em dezembro passado. "O que se espera do PGR – parece que Vossa Excelência entendeu de forma bastante estrita o encaminhamento –, é que proceda as devidas investigações dos possíveis ilícitos penais que saltam aos olhos da nação", esbravejou, em tom de provocação, o ministro do TSE e do STF."
Matéria Completa, ::AQUI::

Nenhum comentário: