Fidel dá o livro de frei Betto ao Papa

Uma questao de hierarquia
"Chora, D. Odilo, chora!

Paulo Henrique Amorim, Conversa Afiada

Como se sabe, a Globo não conseguiu eleger Papa - ela não elege mais ninguém! - D. Odilo, de São Paulo, aquele que participou da campanha do Cerra em 2010, ao lado do Bento XVI.

D Francisco I é peronista  e, segundo o Stedile , amigo dele, faz uma critica aguda e inequívoca ao capitalismo.

Como se percebe, o Papa foi primeiro a Fidel e a Raúl e, só depois, vai ao Obama.

Uma questao de hierarquia, mais do que de plano de vôo:

D Francisco rezou missa na Praça da Revolução, em Havana e, em seguida, foi se encontrar com Fidel, de acordo com o Granma, orgão oficial do PC cubano.

O papa Francisco visitou Fidel

Segundo Federico Lombardi a conversa entre o papa Francisco e Fidel foi amena e durou entre 30 e 40 minutos

Autor: Granma | internet@granma.cu

setembro 20, 2015

MONSENHOR Federico Lombardi, porta-voz da Santa Sé, afirmou em uma entrevista coletiva, neste domingo, 20 de setembro, que o papa Francisco teve um encontro com o líder histórico da Revolução Cubana Fidel Castro Ruz, ao terminar a Santa Missa.

Segundo Lombardi a conversa entre Francisco e Fidel foi amena e durou entre 30 e 40 minutos.

O Sumo Pontífice e Fidel trocaram presentes: o papa lhe entregou livros ao comandante-em-chefe e o líder cubano entregou a Sua Santidade um exemplar do livro Fidel e a religião (do frei Betto - PHA), que neste ano completou o 30º aniversário de sua primeira edição."

Nenhum comentário: