Caso Anastasia pode envolver prima de Aécio


"O pedido da Polícia Federal para reabrir a investigação contra o senador Antonio Anastasia (PSDB-MG) se deve a um email que aponta a casa onde o policial federal Jayme Alves, o Careca, teria entregue cerca de R$ 1 milhão, a pedido do doleiro Alberto Youssef; segundo a PF, a casa pertenceria a uma prima do senador Aécio Neves (PSDB-MG), chamada Tânia Guimarães Campos; no entanto, os tucanos já divulgaram uma nova versão, em que se dizem vítima de armação e afirmam que a casa onde o dinheiro foi entregue é outra; "Foi uma denúncia de má-fé. Sou vítima de uma armação. Quero que o episódio seja investigado", disse o senador Aécio; diante da contradição, caberá ao policial Careca, que já disse ter entregue a quantia a uma pessoa muito parecida com o senador Anastasia, identificar o local

Brasil 247

O pedido da Polícia Federal para reabrir a investigação contra o senador Antonio Anastasia (PSDB-SP), cujo arquivamento foi solicitado pelo procurador-geral Rodrigo Janot, promete gerar muita polêmica.
 
Isso porque a Polícia Federal trabalha com a hipótese de que o ex-policial Jayme Alves, o Careca, entregou cerca de R$ 1 milhão a uma pessoa parecida com o senador Anastasia numa casa de uma prima do senador Aécio Neves (PSDB-MG), chamada Tânia Guimarães Campos.

O PSDB, no entanto, se diz vítima de armação. E divulgou a versão de que a casa onde teria sido entregue a quantia pertenceria a outra pessoa – não à prima de Aécio."
Matéria Completa, ::AQUI::

Nenhum comentário: