'Existem líderes incentivando esse ódio'


"Após ser hostilizado em ato na Avenida Paulista, em São Paulo, ministro da Justiça, Eduardo Cardozo, diz que “discurso de ódio e intolerância é assustador” e que “essa situação de falta de educação e grosseria não é própria do povo brasileiro”; segundo ele, divergência é normal, mas o discurso de ódio e intolerância é assustador: “acho que existem alguns líderes incentivando esse ódio”, acrescentou, citando movimentos sociais e partidos políticos

Brasil 247

O ministro da Justiça, Eduardo Cardozo, criticou o ‘discurso de ódio e de intolerância’ das ruas, após ser hostilizado em ato na Avenida Paulista, em São Paulo.

Em entrevista ao ‘Estado de S. Paulo’, ele disse que a manifestação de pensando em geral é legitima, mas ressaltou que a ofensa pessoal não é condizente com a democracia.
“Essa situação de falta de educação e grosseria não é própria do povo brasileiro”, disse. Segundo ele, divergência é normal, mas o discurso de ódio e intolerância é assustador: “acho que existem alguns líderes incentivando esse ódio”, acrescentou, citando movimentos sociais e partidos políticos (leia mais)."

Nenhum comentário: