Dilma busca apoio de líderes do PIB contra crise


"Governo quer reunir a elite empresarial do Brasil, como Rubens Ometto, da Cosan, Luiz Carlos Trabuco, do Bradesco, Jorge Gerdau, da Gerdau, e Abílio Diniz, da BRF, nos moldes do encontro com os governadores, ocorrido na semana passada, em Brasília; ao refazer as pontes com o capital, presidente Dilma Rousseff espera obter um reforço para influenciar o Congresso contra a aprovação de projetos com forte impacto fiscal; em discurso aos 27 governadores, Dilma reforçou a importância da cooperação para a retomada do crescimento: "Não nego as dificuldades, mas imagino que temos todas as condições de superar as dificuldades e enfrentar desafios. Queremos construir bases estruturais para um novo ciclo de desenvolvimento" 

Brasil 247

A presidente Dilma Rousseff pretende reunir os líderes do PIB nos mesmos moldes do encontro realizado na semana passada com os 27 governadores, em Brasília.

Diante da crise econômica, o governo quer refazer as pontes com o capital, na tentativa de influenciar o Congresso contra a aprovação de projetos com forte impacto fiscal. Entre os nomes destacados, estariam Rubens Ometto, da Cosan, Luiz Carlos Trabuco, do Bradesco, Jorge Gerdau, da Gerdau, e Abílio Diniz, da BRF.

Na semana passada, a presidente reforçou aos governadores a importância da cooperação e destacou que a economia do Brasil tem condições de se recuperar.

"A economia brasileira é bem mais forte, sólida e bem mais resiliente do que era alguns anos atrás, quando enfrentou crises similares", lembrou. "Não nego as dificuldades, mas imagino que temos todas as condições de superar as dificuldades e enfrentar desafios. Queremos construir bases estruturais para um novo ciclo de desenvolvimento", acrescentou.

Leia aqui reportagem de Natuza Nery sobre o assunto."

Nenhum comentário: