Janot vai pedir informações sobre caso Fifa aos EUA


"O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, vai pedir informações sobre a investigação promovida pelas autoridades norte-americanas sobre corrupção no futebol; segundo a nota oficial do Ministério Público Federal, a decisão de cooperação envolve todos os países do Mercosul; Janot fará uma solicitação formal à procuradora-geral dos EUA, Loretta Lynch

Brasil 247

- O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, vai pedir informações sobre a investigação promovida pelas autoridades norte-americanas sobre corrupção no futebol. Segundo a nota oficial do Ministério Público Federal, a decisão de cooperação envolve todos os países do Mercosul. Janot fará uma solicitação formal à procuradora-geral dos EUA, Loretta Lynch. A ideia é obter informações sobre eventuais delitos cometidos em países sul-americanos.
Abaixo nota da PGR:

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, vai enviar uma comunicação formal à procuradora-geral dos Estados Unidos, Loretta Lynch, para solicitar informações do chamado "Caso Fifa" que tenham relação com delitos cometidos em países do Mercosul ou que possam ter sido cometidos por algum de seus cidadãos em território estrangeiro. A decisão foi aprovada durante a 18ª edição da Reunião Especializada de Ministérios Públicos do Mercosul, realizada em Ouro Preto/MG sob a presidência do Brasil, que conta com a participação de Argentina, Paraguai, Venezuela, Chile e Equador.

O objetivo é que as informações sejam remetidas sem demora aos Ministérios Públicos do Mercosul que, conforme a legislação de cada país, tenham competência para investigar esses feitos ou para repassar a informação às autoridades competentes que já estiverem investigando.

Nenhum comentário: