Jogador do Paraná ergue faixa que diz que Beto Richa é ‘tirano’


Do uol

"O Londrina não conquistou o bicampeonato estadual, mas ficou com o Título do Interior de 2015, após vencer na quinta-feira o Foz do Iguaçu, por 2 a 0, no Estádio do Café, diante de pouco mais de 2 mil torcedores. No jogo de ida, os times haviam empatado em 1 a 1 no Estádio ABC.

Além da conquista, a partida foi marcada por um ato político na hora da comemoração: logo após a entrega das medalhas e do troféu, o meia Rafael Bastos exibiu um cartaz criticando o governador do Estado, Beto Richa, pela ação violenta de policiais militares contra a manifestação de professores em greve, no dia anterior, em Curitiba.

O cartaz dizia: “Beto Richa tirano! Que vergonha bater em trabalhador! #Força professores!!!” Segundo o jornal Gazeta de Londrina, o cartaz improvisado foi passado ao jogador de 22 anos, formado nas categorias de base do clube, por torcedores.

Sob o olhar e risadas dos outros jogadores, ‘Rafael Bastos viu o conteúdo do cartaz e o exibiu conscientemente’, informa o jornal.

Se apresentada queixa contra o jogador, Rafael fica sujeito a punição da Conmebol, já que a Fifa proíbe manifestações de cunho político, religioso ou comercial em competições que ela ou entidades subordinadas organizam."

Nenhum comentário: