Vai indo que eu não vou – por que Aécio não foi ao protesto em BH

Eduardo Guimarães, Blog da Cidadania

Pode parecer que a foto que ilustra este texto basta para explicar por que Aécio Neves exortou as pessoas a irem à rua a protestar neste domingo, 12 de abril, e não deu as caras no protesto do Estado pelo qual é senador e que governou duas vezes.

.


Porém, não é só isso. Há, primeiro, que refletir sobre por que no Estado do líder da oposição brasileira apenas meia dúzia de gatos pingados foi se manifestar contra o governo.

Isso se dá, sobretudo, porque, aos poucos, os mineiros vão tomando ciência dos abusos praticados pelas quatro administrações tucanas que se abateram sobre o Estado desde 2003.

Além de Aécio ter sido denunciado por deputados do PT ao procurador-geral da República, segundo eles “com fartura de provas”, a administração Fernando Pimentel vem revelando o descalabro que encontrou ao assumir o governo mineiro.

Tudo isso, somado à pesquisa Datafolha recém-divulgada, mostra que o lucro eleitoral do PSDB com a crise política foi pequeno, pois, no máximo, em simulação de segundo turno Aécio empata com Lula, líder de um partido que vem sendo execrado.

O fracasso da manifestação em Belo Horizonte – que reuniu míseros 3 mil manifestantes – constitui um vexame para Aécio Neves. Por isso, apesar de ele ter convocado as pessoas a irem protestar,  não deu as caras no protesto do Estado pelo qual é senador."

Nenhum comentário: