Na ânsia de associar Haddad à corrupção, CBN troca secretários


Jornal GGN 

"A CBN associou, erroneamente, a gestão do prefeito Fernando Haddad (PT) a um caso de corrupção conhecido como Máfia do ISS. Nesta quinta-feira (16), a emissora de rádio publicou uma nota sobre o envolvimento do empresário Marco Aurélio Garcia no esquema de fraude fiscal descoberto por Haddad após a criação da Controladoria-Geral do Município. Marco Aurélio é irmão do secretário estadual Rodrigo Garcia, indicado pelo governador Geraldo Alckmin (PSDB) para conduzir a Habitação. A CBN, no entanto, escreveu que Rodrigo Garcia é secretário de Haddad."

Nenhum comentário: