Delator do Swissleaks diz que quer ajudar o Brasil


"Hervé Falciani, engenheiro que vazou dados do HSBC na Suíça, diz que pretende colaborar com as investigações sobre correntistas brasileiros suspeitos de evasão fiscal: “Precisamos de um contato oficial da administração brasileira. A partir desse contato, nós vamos ajuda-los”; o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, está na França para investigar caso

Brasil 247

Delator do chamado caso Swissleaks, o engenheiro Hervé Falciani, que vazou dados do HSBC na Suíça, diz que pretende colaborar com as investigações sobre correntistas brasileiros suspeitos de evasão fiscal:

“Precisamos de um contato oficial da administração brasileira. A partir desse contato, nós vamos ajuda-los”, disse ele em entrevista ao ‘Estado de S. Paulo’. Falciani já colabora com países como Islândia, Índia e Argentina.

O Procurador-Geral da República, Rodrigo Janot, e o Secretário Nacional de Justiça (SNJ), Beto Ferreira Martins Vasconcelos, embarcaram para a França em busca de dados sobre o caso. O governo francês possui uma base de dados do caso, que foi entregue por Falciani."

Nenhum comentário: