Bolsonaro na Paulista: “Aécio deveria estar aqui”


Da folha

"Um dos únicos políticos presentes no protesto contra o governo da presidente Dilma Rousseff (PT) em São Paulo, o deputado federal Jair Bolsonaro (PP-RJ) diz que “é natural” que o movimento anti-Dilma seja “ascendente” e tenha a adesão de menos pessoas e menos lideranças políticas neste domingo (12) em comparação ao protesto de 15 de março, que reuniu 210 mil manifestantes na Av. Paulista, segundo o Datafolha.

Segundo ele, os políticos “têm medo de estar nesse movimento”. “Sou bem tratado pelo meu passado e Aécio deveria estar aqui”, disse o deputado à Folha, em referência ao senador Aécio Neves (MG), presidente nacional do PSDB.

O tucano tem feito vídeos de convocação aos protestos, mas não compareceu em nenhuma das duas manifestações."

Nenhum comentário: