Casseta & Planeta: o preço do engajamento


Nova roupagem do programa humorístico da TV Globo fracassa em audiência. Há várias razões para isso, mas uma delas é o engajamento da trupe, que perdeu seu lado anárquico para abraçar causas políticas

Heberth Xavier, Brasil 247

O retorno do Casseta & Planeta às casas dos telespectadores não tem sido fácil. Para qualquer lado: o espectador ansiava a volta da velha turma, na esperança que eles resgatassem as piadas que tornavam as noites mais divertidas; os humoristas queriam provar que o formato do programa ainda é atual. Ambos se decepcionaram.

Em 6 de abril, por exemplo, o Casseta & Planeta Vai Fundo chegou a amargar a terceira colocação no Ibope. Exatamente às 23h57, a Globo marcou apenas 7,6 pontos, ante 8,5 do SBT e 10,7 da Record. Na reestreia, vitória magra (15 a 12). No programa da semana seguinte, o programa perdeu para a Record, que exibia a novela Vidas em Jogo e o Câmera Record: 12 a 13 de média para a TV de Edir Macedo. A Globo traçou como meta até o fim deste ano chegar aos 20 pontos com o novo programa. Como começou muito mal, decidiu aumentar o número de chamadas ao longo de sua programação.

Há várias razões que explicam a dificuldade de voltar a atrair audiência. O formato do programa já não representa algo novo como era nos anos 1990, naquele misto de documentário recheado de piadas. A repentina morte de Cláudio Besserman Viana, o Bussunda, também contribuiu - Bussunda era certamente o mais popular dos cassetas.

Mas há um outro aspecto: a trupe ficou muito “politizada”, séria, engajada, a ponto de comprometer o trabalho. Difícil aliar humor a tanta militância, sobretudo um humor que precisa da anarquia como condição maior, como é o caso do Casseta & Planeta.”
Foto: Divulgação
Artigo Completo, ::Aqui::

5 comentários:

Anônimo disse...

por favor morram com dignidade...

Anônimo disse...

O que aconteceu é:

Estão na SEXTA Feira ànoite, dia em que ninguém fica em casa à noite,todo mundo prefere sair. Se fosse numa 3aou 5a feira,aí a maioria das pessoas ficam em casa para dar audiencia.

Segundo motivo é que continuaram a mesma coisa! Prometeram inovações e continuaram com as mesmas piadas semgraça!

Uma das inovações foi o novo humorista que faz a Dilma. Ele ficou famoso na internet, falava palavrão, etc. Mas na Globo tudo tem que ser certinho, não pode ter palavõa, não pode ter o nome de outros politicos sendo chamados de corruptos, etc. Aí a personagem perdeu toda a graça! Fiquei com dó deste humorista! Ele deve estar pensando: "onde é que eu fui me meter!"

Anônimo disse...

Os Cassetas sempre foram politizados, e ao contrario de muitos que criticam e dizem que eles não tem graça, eu acho que o humor que eles fazem é muito inteligente. O problema é que com um povo desse, que não sabe nada de política, está totalmente por fora das coisas importantes que acontecem, como vão entender as piadas? Se colocassem um monte de vagabas de bunda de fora, e fizessem só piadas com personagens de novela e bbb, daí esse povo imbecil ia adorar.

Anônimo disse...

Ha fala sério,colocar uma ex bbb ridícula,chata com voz insuportável q ganhou um bbb armado como tantos outros foi o fim da picada apelação total.

Anônimo disse...

Eu discordo quando dizem que a morte do Bussunda é responsável pela decadência do casseta, O programa já não tinha graça ha muitos anos antes dele falecer.